Pensamentos de Luís Franco-Bastos sobre a imitação que Joseph Blatter fez de Cristiano Ronaldo.